Fenaj publica novo relatório sobre violência contra jornalistas

22 de janeiro de 2020

A Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) acaba de publicar “Violência contra jornalistas e liberdade de imprensa no Brasil – Relatório 2019”, resultante de pesquisa realizada por Márcio Garoni, Maria José Braga e Paula Zarth Padilha, em colaboração com os Sindicatos de Jornalistas.

A pesquisa anual da Fenaj revela que o número de ataques a veículos de comunicação e a jornalistas teve um aumento de 54,07% em relação a 2018, atingindo a marca de 208 casos em 2019. Segundo o relatório, o aumento está diretamente relacionado com o fato de Jair Bolsonaro ter assumido a Presidência da República, o que “afetou significativamente

a liberdade de imprensa no Brasil”. “Em um ano de governo, o presidente Jair Bolsonaro, sozinho, foi o responsável por 121 casos (58,17% do total) de ataques a veículos de comunicação e a jornalistas. Foram 114 ofensivas genéricas e generalizadas, além de sete casos de agressões diretas a jornalistas, totalizando 121 ocorrências”, escreve Maria José Braga, presidente da Fenaj, na Introdução do relatório.


A íntegra do relatório pode ser acessada on-line. Clique aqui.

intercom pinheiros

SÃO PAULO - SP
(11) 2574 8477 | (11) 3596 4747
R.JOAQUIM ANTUNES, 705 - PINHEIROS - 05415-012
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h


intercom BRIGADEIRO

São Paulo - SP
(11) 3892 7558
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA