Pesquisadora lança aplicativo Eu Fiscalizo, de avaliação de conteúdos na mídia

11 de fevereiro de 2020

A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado Federal realizou ontem (10/02) o lançamento do aplicativo Eu Fiscalizo, desenvolvido por Claudia Galhardi, pesquisadora da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca da Fundação Oswaldo Cruz (ENSP-Fiocruz).

Idealizado com base em projeto de pós-doutoramento, o app possibilita que usuários avaliem conteúdos veiculados nos meios de comunicação e entretenimento. A ideia é que a sociedade possa notificar conteúdos impróprios, exercendo sua cidadania e o direito à comunicação e entretenimento de qualidade no que tange à produção, à circulação e ao consumo dos produtos midiáticos veiculados em TV aberta comercial, TV por assinatura, serviço de streaming, jogos eletrônicos, cinema, espetáculos, publicidades e mídias sociais.

As denúncias são enviadas pela Fiocruz à Coordenação de Política de Classificação Indicativa do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Já os conteúdos inapropriados divulgados em publicidades serão encaminhados ao Instituto Alana. O material recebido também será convertido em um banco de dados, dividido por categorias de acordo com o tipo de meio de comunicação em que o conteúdo foi publicado. A partir dos dados compilados, serão gerados relatórios para a produção de conhecimento acadêmico e para a elaboração de políticas públicas.

Além de registrar conteúdos impróprios, o Eu Fiscalizo informa as datas das notificações e permite o envio de fotos, vídeos, mensagens de texto, sugestões, elogios e reclamações. O aplicativo já está disponível para download na Playstore.

intercom pinheiros

SÃO PAULO - SP
(11) 2574 8477 | (11) 3596 4747
R.JOAQUIM ANTUNES, 705 - PINHEIROS - 05415-012
SECRETARIA@INTERCOM.ORG.BR



Horário de atendimento:
Segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13 às 17h


intercom BRIGADEIRO

São Paulo - SP
(11) 3892 7558
AV. BRIG. LUIS ANTÔNIO, 2.050 - CONJ. 36- BELA VISTA